Mercados e lojas de construção sustentam crescimento no varejo, diz FecomercioSP

O setor perderia 3% do seu faturamento se o auxílio emergencial não fosse pago em meio à pandemia